Se você tem psoríase, você não está só. Milhões de pessoas vivem com esta condição crônica (longo tempo). Algumas pessoas que tem psoríase desenvolvem dores articulares conhecida como artrite psoriática. Aprender sobre estas condições pode ajudar você a tomar decisões sobre seu tratamento.

O que é Psoríase?

Psoríase é uma doença de pele que desenvolve quando nosso sistema imune diz para suas células de pele para crescerem rapidamente. Tipicamente, novas células de pele são formadas em algumas semanas. Na psoríase, as células da pele formam-se em dias, levando ao seu acúmulo na pele.

Existem diferentes tipo de psoríase. Cada tipo apresenta-se de forma diferente na pele.

. Psoríase em Placas:

Esta é mais comum forma de psoríase e aparece como lesões com leve relevo, avermelhadas, que podem conter escamas esbranquiçadas. Estas lesões podem ocorrer em qualquer região da pele, mas tipicamente formam-se em couro cabeludo, cotovelos e joelhos.

. Psoríase Gutata:

Este é tipo mais comum de psoríase em crianças e adultos jovens e aparecem como pequenas, avermelhadas manchas na pele. Isto pode ocorrer após umas dor de garganta e freqüentemente cura por si só em semanas ou poucos meses. Muitas pessoas nunca mais terão psoríase novamente.

. Psoríase Pustular:

Pode aparecer em todo corpo ou pode ser apenas em palma de mãos e planta de pés. Este tipo de psoríase aparece como pontos brancos de “pús” rodeados por pele avermelhada.

. Psoríase Inversa:

Desenvolve-se em regiões de dobras de pele, como axilas, virilha, abaixo das mamas e vinco das nádegas.

. Psoríase Eritrodérmica:

Esta é a forma menos comum de psoríase. É causada por vermelhidão intensa e acomete uma grande porção do corpo.

. Psoríase Ungueal:

Pode afetar as unhas dos dedos das mãos e/ou pés sem afetar outras partes do corpo. Isto causa finos pits na unhas unhas (“furos na unha feitos com agulha”) e a unha pode amolecer, engrossar ou esfarelar.

Por que eu tenho Psoríase?

Aproximadamente 1/3 das pessoas que tem psoríase tem um parente que também tem psoríase. Cientistas sabem que nem todos que herdaram o gene para psoríase irão desenvolver a psoríase. Para a psoríase aparecer, parece que a pessoa deve herdar a combinação certa de genes e ser exposto a um “gatilho” (fator desencadeante). Mais pesquisas são necessárias para identificar o gene específico que causa a psoríase.

Quais são os “gatilhos”da Psoríase?

Diferentes pessoas têm diferentes “gatilhos”. Geralmente os “gatilhos” incluem estresse, principal, infecções (ex. amigdalite), cortes na pele. Fumo, sobrepeso e obesidade também são importantes “gatinhos”. Alguns medicamentos como o lítio, interferon, e propranolol, devem ser considerados também como um fator de piora da psoríase.

O que é Artrite Psoriática?

Se você tem psoríase, artrite psoriática pode ocorrer e causar frequentemente inchaço, rigidez e algumas vezes dor em uma ou várias articulações pela manhã. Se isto ocorre, contate um bom dermatologista agora.

Como a psoríase, a artrite psoriática é uma condições de longo tempo. Se a artrite psoriática piorar, as articulações afetadas podem se deteriorar. Tratamento para psoríase pode incluir fisioterapia para articulações e medicamentos. há vários medicamentos que pode prevenir a piora da artrite psoriática.

Como são diagnosticadas a psoríase e artrite psoriática?

Dermatologistas diagnosticam a psoríase examinando sua pele, unhas e couro cabeludo. algumas vezes um dermatologista pode necessitar de uma biópsia para complementar o diagnóstico. Isto envolve a remoção de um pequeno pedaço da pele ou unha. A pele removida é enviada a um laboratório onde será examinada em um microscópio.

Um único exame médico pode não ser suficiente para diagnosticar a artrite psoriática. Para descobrir se você tem artrite psoriática, seu dermatologista irá lhe fazer perguntas sobre sua psoríase, exames de imagem e de sangue.

Alguns testes irmão mostrar ao seu dermatologista se você tem inflamação ao longo do seu corpo. Outros exames irão mostrar se você tem outras formas de artrite que “imitam” a artrite psoriática.

A Psoríase afeta apenas minha pele?

Pesquisas mostram que uma inflamação excessiva, como ocorre na psoríase e artrite psoriática, pode lhe colocar risco para desenvolver ouro piorar uma quadro de diabetes, obesidade, aumento de colesterol e doença do coração. Como um resultado, é importante que você monitore seu coração de perto sua saúde por sinais destas doenças, especialmente se você tem psoríase severa.

Procurar um bom dermatologista o quanto antes pode garantir que você evite complicações desta doença.

Como a Psoríase é tratada?

A psoríase não tem cura. O tratamento pode ajudar a diminuir, clarear, as lesões em sua pele e reduzir as crises. A psoríase pode ser persistente, conseguir seu controle pode requerer diferentes tipos de tratamentos. Você pode receber mais de um tipo de tratamento. Se a psoríase for severa pode exigir mais de um medicamento pode ser usado ao mesmo tempo para conseguir um melhor resultado. Mas, combinar mais de um medicamento pode causar maiores efeitos colaterais e para isso procure um bom dermatologista para melhores resultados e com segurança.

. Tratamento Tópico:

Medicamentos em pomadas, géis, loções, cremes, soluções e até xampus são aplicado na pele. Estes medicamentos podem controlar psoríase leve a moderada diminuindo a taxa de crescimento das células de pele e reduzir a inflamação.

. Corticóides:

Este é o mais medicamento mais preceito para psoríase leve a moderada. Aguas corticites são muito fortes e usados por curto período. Estes podem clarear a pele. Outros são suaves e podem ser usados por longos períodos para manter a psoríase sob controle. Não importa o tipo que é prescrito, o importante é seguir as instruções do seu dermatologista. Efeitos colaterais podem ocorrer quando as instruções não forem seguidas. Por exemplo, se você usa a medicação conforme indicada e pára de repente de usar, sua psoríase pode piorar. Se isto ocorrer, fortes medicações podem ser necessárias para controlar sua psoríase.

. Calcipotriol:

Este medicação é usada juntamente com corticóide. Para evitar efeitos colaterais, como irritação, sempre use esta medicação conforme prescrito.

. Retinóides:

Alguns pacientes acham que a aplicação desta medicação é suficiente para controlar sua psoríase. Retinóides podem ser usados combinados com corticite tópico. Mulheres não devem usar um retinida se estiverem grávidas ou planejando engravidar.

. Ácido Salicílico:

Este ingrediente é muito encontrado em xampus e preparações tópicas para psoríase. Ele facilita a penetração do ativo na pele.

. Laser / Terapia com Luz:

Sob os cuidados de um dermatologista, a terapia com luz pode ser um efetivo e seguro tratamento para psoríase. Porque muita luz ultravioleta (UV) pode fazer a psoríase piorar e um tipo de luz ultravioleta errado pode aumentar o risco de câncer de pele, por isto é importante procurar um dermatologista para o tratamento.

A terapia com luz não é para todos. A pele de alguns pacientes é muito sensível. Muitos tratamentos são requeridos. Os seguintes tipos de laser e terapia com luz são:

. Laser terapia: Um laser pode atingir pequenas áreas de placas de psoríase, como o couro cabeludo, pés e mãos.

. Ultravioleta B (UVB): Você é exposto a luz UVB em uma caixa câmara de luz ou a frente de um painel. Apesar do UVB ser seguro e efetivo, pode ocorrer algum efeito colateral como queimaduras e envelhecimento precoce da pele. Seu dermatologista irá lhe falar sobre o risco de desenvolver câncer de pele enquanto usa este tratamento.

. PUVA: Combina uma medicação chamada psoraleno com terapia de luz ultravioleta (UVA). O psoraleno aumenta a sensibilidade da pele a luz UVA. Depois de aplicado o psoraleno ou tomado por via oral, sua pele irá ser exposta a luz UVA. A PUVA tem se mostrada efetiva em mais de 85% dos pacientes com psoríase. Novamente, seu dermatologista irá falar com você sobre o risco de desenvolver câncer de pele enquanto usa este tratamento.

. Tradicional tratamento sistêmico (oral ou injetável):

Medicamentos sistêmicos trabalham ao longo do nosso corpo. Estes medicamentos são usados para tratar psoríase de moderada a grave intensidade. Um medicamento sistêmico é engolido ou injetado. Enquanto eficazes, alguns destes medicamentos podem ser usados por um limitado tempo e podem ser combinados e alternados para minimizar efeitos colaterais. Alguns destes medicamentos podem causar defeitos de nascimento ou serem perigosos para serem usados durante a gestação. Converse com seu dermatologista se você está grávida ou tentando engravidar.

. Metotrexato:

Metotrexato (MTX) é um efetivo em melhorar  e reduzir os sintomas dolorosas da artrite psoriática. Paciente que tomar MTX devem ser monitorados com cuidado com exames de sangue regular por efeitos colaterais. Pode ocorrer efeitos colaterais sérios em pessoas que bebem álcool regularmente. Fale com seu dermatologista se você bebe álcool.

. Retinóides: 

O retinóide oral, Acitretina, é um medicamento relacionado a vitamina A. Vitamina A vendida normalmente no comércio regular não é a mesma deste medicamento. Pacientes que tomam comprimidos de retinóide necessitam de monitoramento cuidados para prevenir aumento de colesterol, ressecamento da pele, lábios e olhos. Depressão pode ser um raro efeito colateral.

. Ciclosporina:

Esta medicação é prescrita quando outros tratamentos não foram efetivos. Paciente que tomam esta medicação precisam de exames de sangue e controle de pressão arterial para evitar efeitos colaterais. Seu uso prolongado pode prejudicar os rins.

. Biológicos:

Se você tem psoríase moderada ou grave e outros tratamentos não tiveram resposta um biológico pode ser uma opção de tratamento. Ao contrário de outras terapia de psoríase, os biológicos são considerados potencialmente seguros para longo tempo de uso. Alguns biológicos podem diminuir ou parar os danos em articulações pela artrite psoriática.

Fale com seu dermatologista sobre a opção de um biológico ser uma escolha para seu tratamento.

Etanercept, Adalimumabe, Infliximabe, Secuquinumabe, Ustekinumabe são exemplos destes medicamentos. Todos são de alto custo e não são vendidos no varejo.

Biológicos são injetados e podem ser aplicados em casa. Outros precisam ser aplicados em clínicas, centros de tratamento ou hospitais.

Inúmeros testes são necessários para descobrir se você pode ser um candidato para a terapia biológica.

Como eu posso controlar minha Psoríase diariamente?

. Aprenda o quanto puder sobre psoríase. Aprender sobre psoríase e opções de tratamento disponíveis irá lhe ajudar a tomar melhores decisões.

. Tome cuidado consigo mesmo. Faça uma dieta saudável, exercícios, não fume e beba muito pouco álcool. Fumar, beber e ter sobrepeso faz a psoríase piorar. E também pode fazer o tratamento ser menos efetivo.

. Fique atento as suas articulações. Se suas articulações são rígidas e doloridas, especialmente quando você se levanta, fale com seu dermatologista.

. Preste atenção no seu humor. Depressão e ansiedade são comuns em pessoas com psoríase.

. Fale com seu dermatologista antes de parar de tomar a medicação para psoríase. Parar o tratamento de psoríase pode trazer sérias consequências.

.

.


Para melhores resultados e com segurança procure sempre um especialista.


O médico dermatologista, é o especialista que realiza o diagnóstico, tratamento clínico e cirúrgico das doenças de pele, cabelos e unhas e exerce e também é o profissional capacitado na área de estética médica.


.